Estes apps ajudam pessoas com deficiência a terem uma vida independente

De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 45 milhões de brasileiros sofrem com algum tipo de deficiência no corpo. Cada uma delas busca por alternativas para ter uma vida independente e com menos dificuldades. A tecnologia pode ajudar essas pessoas, além de ensinar às pessoas sem deficiências a se comunicar melhor com elas. Tilt fez uma lista de aplicativos que ajudam na rotina de todo mundo neste contexto.

Já bastante conhecido, o Be My Eyes busca conectar pessoas com deficiência visual a voluntários que possam ajudá-los. Funciona da seguinte maneira: o usuário que necessita de auxílio faz uma chamada, que vai para vários voluntários até que um possa atendê-lo. Com a câmera ligada, ele faz perguntas simples, como “qual dos dois casacos é o vermelho?” Ao se cadastrar, o usuário pode dizer qual seu idioma principal e em quais outros ele poderia ajudar. Não é necessário deixar o app aberto para receber chamadas, ele funciona por meio de notificações.

Pixabay

Fonte: tilt UOL