EaD do CPB reúne cerca de 400 participantes de todo o país no feriado; saiba como participar

Os cursos a distância realizados pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), por meio da sua área de Educação Paralímpica, reuniram cerca de 400 participantes de todo o país no último final de semana, mesmo em meio às comemorações do feriado de 7 de setembro. 

O programa de Educação Paralímpica é um dos pilares do planejamento estratégico do CPB e tem como um dos seus objetivos promover cursos online e gratuitos para profissionais de educação física para todas as regiões do Brasil.      

No último dia 5 (sábado), foram realizados seis cursos de habilitação técnica em atletismo, natação e halterofilismo, além dos cursos de arbitragem em natação e atletismo. Os conteúdos têm datas e horários específicos para cada região e são de diferentes níveis. A programação das aulas vai até novembro (saiba como se inscrever no final do texto).

Entre os grupos de estudo, estão presentes profissionais e estudantes das capitais e até de cidades distantes do interior do país. Para eles, os cursos do CPB têm proporcionado conhecimentos e capacitação profissional em regiões onde ainda não há as mesmas condições dos grandes centros.

Foto: Reprodução

É o caso do professor de atletismo paralímpico Robson Batista, 28 anos, de Barreirinha, cidade do Estado do Amazonas que conta com cerca de 30 mil habitantes e fica localizada a 330 km da capital Manaus. Ele diz atuar na única escola entre todos os municípios vizinhos que realiza atendimento de crianças e jovens com deficiência.

O profissional afirma ainda ter grandes dificuldades de encontrar espaços adequados para as aulas na sua cidade, como pistas de atletismo. Por isso, recorre a espaços abertos para treinar modalidades de campo, como arremesso e lançamento, sempre com a utilização de materiais reciclados ou reparados.

“Para poder acompanhar o curso, tive de adquirir um chip de outra operadora, pois a internet não estava funcionando na anterior. Porém, valeu a pena. Esse curso foi uma porta de conhecimento que se abriu para mim. Vou continuar com os novos aprendizados, pois é uma área que quero me especializar”, apontou Batista, que concluiu o curso online de arbitragem e agora vai se inscrever no programa de habilitação técnica de atletismo.

LEIA MAIS
CPB abre credenciamento para instituições parceiras nos cursos de habilitação técnica
CPB abre inscrições para cursos online de árbitros de atletismo e natação

Já a manauara Dimicília Colares, 51 anos, realiza treinamento de arremesso e lançamento para paratletas desde 2016. A professora de Educação Física pretende, após a conclusão do curso do CPB, organizar uma competição estadual pela Fundação Vila Olímpica de Manaus (FVO), da qual atua como voluntária.

A estudante Alice Gomes, 22 anos, também quer seguir os passos de seus conterrâneos ao participar das aulas. Nascida em Manacapuru, região metropolitana de Manaus, ela se interessou pelo Movimento Paralímpico ao ingressar no Proamde (Programa de Atividades Motoras para Deficientes), da Universidade Federal do Amazonas, na qual faz a sua graduação. 

“Estou adquirindo muito conhecimento pois estou vendo que, para me tornar uma árbitra, não é apenas ir a uma competição para apitar ou sinalizar uma largada”, explica Alice, que ficou sabendo do curso pelas redes sociais da universidade.

No outro extremo do país, o professor Huibner Machado da Silva, 40 anos, de Pelotas (RS), atua desde 2014 na escola Louis Braille, local que promove a prática de atletismo e goalball para crianças e adolescentes com deficiência visual.

Ex-atleta-guia na Acergs (Associação de Cegos do Rio Grande do Sul), também já participou das Paralimpíadas Escolares realizadas pelo CPB entre os anos de 2015 e 2019 antes de ingressar nos cursos de atletismo. 

“Pretendo popularizar o paradesporto aqui na minha cidade e região para, depois, formar atletas para competição”, completa. 

CONFIRA ABAIXO OS CURSOS COM INSCRIÇÕES ABERTAS:

Atletismo

O curso de habilitação técnica em atletismo nível I abordará temas como Etiologia, Classificação Esportiva Paralímpica, iniciação ao alto rendimento e regras básicas. Além da parte teórica online, haverá a necessidade da comprovação de 100 horas de atividade prática.

Para os participantes que residem nas regiões Centro-Oeste e Norte do país, as aulas serão nos dias 3, 10, 17 e 24 de outubro, sempre das 9h às 13h, e terão como professores Rosicler Ravache, Eduardo Leonel e João Casteleti. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até o dia 28 de setembro.

Já para os participantes que residem na região Nordeste do país, as aulas serão nos dias 31 de outubro, e 7, 14 e 21 de novembro, sempre das 9h às 13h, e terão como professores Rosicler Ravache, Eduardo Leonel e Daniela Parizotto. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até o dia 26 de outubro.

Halterofilismo

O curso de habilitação técnica em halterofilismo nível I abordará temas como história, noções básicas de classificação e competição, características gerais da modalidade, aspectos cinesiológicos, biomecânicos e anatômicos do esporte, além de fundamentos fisiológicos da força e do treinamento.

Além da parte teórica online, haverá a necessidade da comprovação de 100 horas de atividade prática.

Para os participantes que residem nas regiões Sul e Sudeste do país, as aulas serão nos dias 3, 10, 17 e 24 de outubro, sempre das 9h às 13h. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até 28 de setembro.

Para os participantes que residem nas regiões Centro-Oeste e Norte do país, as aulas serão nos dias 31 de outubro, e 7, 14 e 21 de novembro, sempre das 9h às 13h. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até 26 de outubro.

Natação

O curso de habilitação técnica em natação nível I abordará temas como história e evolução do esporte, normas de segurança, classificação, regras gerais, metodologia de ensino e aprendizagem, hidrodinâmica e técnica de nado, e preparação física.

Além da parte teórica online, haverá a necessidade da comprovação de 100 horas de atividade prática.

Para os participantes que residem nas regiões Centro-Oeste e Norte do país, as aulas serão nos dias 3, 10, 17 e 24 de outubro, sempre das 14h às 18h, e terão como professores Rui Menslin, Alexandre Vieira e Adriana Couto Diedrichsi. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até o dia 28 de setembro.

Já para os participantes que residem na região Nordeste do país, as aulas serão nos dias 31 de outubro, e 7, 14 e 21 de novembro, sempre das 14h às 18h, e terão como professores Rui Menslin, Alexandre Vieira e Guillermo Sanchis Gritsch. Para se inscrever neste grupo, é preciso preencher o formulário deste link até o dia 26 de outubro.

Para mais informações ou dúvidas, os interessados podem enviar um e-mail para educ.paralimpica@cpb.org.br.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro